26.11.07

Malas Voadoras

Há pouca coisa que me faça despachar a mala quando viajo. Em tempos idos, quando os aviões comerciais eram apenas meios de transporte e não potenciais armas de destruição massiva, vi a minha mala descer do porão - foram 3 metros a pique até aterrar no carrinho da bagagem. A visão foi profiláctica. Deixei de despachar bagagem e tornei-me uma experienciada fazedora de malas de cabine: o procedimento tem requintes de precisão científica, tudo tem o seu sítio e nada de vagamente supérfluo tem lugar na minha malinha vermelha. O problema é à volta... e é regra geral nos supermercados que me desgraço.



Este molho de cranberry (juntamente com o chutney de cebola caramelizada) foi um dos últimos frutos do desejo, responsáveis pela espera no tapete das bagagens. Ficou delicioso com broa, espinafres vermelhos e peito de frango fumado.

9 comentários:

  1. Pois é... as viagens.

    Se já é o que é cá com certos produtos, no estrangeiro acontece a quase todos sentir que falta trazer mais qq coisa. É doloroso mas há situações em que não se pode fugir a isso.

    Relativamente à ultima foto, mas que "xique".

    ResponderEliminar
  2. Me solidarizo com você no que diz respeito às malas despachadas...
    Tabém faço de tudo para levá-las na cabine, mas no retorno, é inviável, impossível, não sei porque, mas elas 'engordam'...
    Ficaram terrivelmente tentadores estas fotos, hein!
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  3. Quêm é que não se queixa desse mal?!

    Mas na maior parte das vezes vale a pena, a julgar pela foto, valeu mesmo a pena.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  4. É uma chatice, pois com líquidos e afins (como as tuas compras) temos que trazer as malas no porão. O pior é que o coração vem sempre em sobressalto com medo de que as nossas queridas compras se desfaçam durante a viagem. Este ano, trouxe massa de malagueta açoriana na bagagem e, com a pressão, a embalagem rebentou e lá fiquei eu com uma série de roupa picante!

    É pena já não haver marks and spencer em Portugal, pois a roupa era um bocado estranha, mas a comida era excelente!

    bjs

    ResponderEliminar
  5. Roupa picante? pois... o melhor é não irmos por aí!! hehehe

    O Provador tem umas técnicas infalíveis de acondicionamento: colocámos cada frasco num saquinho plástico (não fosse o diabo tecê-las!), depois dentro de uma meia e dentro de um sapato, com novo saco plástico a cobrir tudo. E a mala veio tão cheia que nada se deve ter deslocado mais que 2mm!

    ResponderEliminar
  6. Adorei as dicas de arrumação! Por acaso, este ano tinha colocado os perfumes dentro das barbatanas para evitar desgraças e a coisa correu bem, por isso a dos sapatos é para experimentar! O problema é que depois me esqueci e andámos 1 mês sem perfumes a magicar onde os teríamos deixado. Quando as aulas de natação recomeçaram, foram encontrados os perfumes! Mas estou convencida de que se fosse comida eu jamais me esqueceria.

    ResponderEliminar
  7. Fiquei com água na boca só de ver, duas coisas em um post só, a loja M&S que não tem aqui e nem os cranberries!

    ResponderEliminar
  8. Pipoka:

    Lembro de ter ido a uma loja da M & S há alguns anos, n lembro onde. No entanto pesquisei e encontrei ... N sei se o link está actualizado, mas parece que existem várias lojas.

    http://www.portugalvirtual.pt/0/6006dat1.html

    nogueirajcs

    ResponderEliminar
  9. Valeu a pena a espera... Que foto apetitosa!

    bjs, bom fim de semana

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!