15.1.10

[4 por 6] Marrocos à mesa

De quando em vez tenho desejos de comidas de outras paragens, de mudar de continente e de encher a minha cozinha de odores e sabores distantes. Que fique para memória futura que eu nunca estive em Marrocos, mas o que me apetecia mesmo era uma sopa de grão perfumada e pastelinhos de massa estaladiça para acompanhar... Daí a razão de vos trazer um 4 por 6 composto por uma refeição ligeira, onde as agruras do Inverno são combatidas com especiarias e caldo quente. A sopa marroquina de grão já foi testada pela minha amiga Pipoka, sendo que a minha versão usa aipo. Para terminar a refeição com o travo doce, laranjas com canela e tâmaras.

Moroccan Supper

Sopa marroquina de grão
Adaptado de Rachel's Food for Friends

4-6 pessoas

3 colheres sopa azeite
1 cebola, picada
100 gr aipo (2 hastes), picado
sal e pimenta preta, moída na altura
400 gr tomate enlatado + sumo
pitada açucar
400 gr grão cozido
2 ½ colheres chá comínhos moídos
1 l caldo legumes
sumo limão
coentros frescos, picados

Aqueça o azeite numa panela e junte a cebola e o aipo. Tempere com sal e pimenta, tape e deixe cozinhar por 10 minutos em lume baixo. Junte os cominhos moídos. Mexa durante 1 minuto. Acrescente o tomate, grão, açucar e caldo. Deixe ferver 5 minutos. Sirva com sumo de limão, polvilhada com os coentros picados.
Moroccan Supper

Pastelinhos estaladiços

4 batatas pequenas, em cubos
200 gr ervilhas
½ pimento verde, picado
2 colheres sopa azeite + 2 (para pincelar)
1 cebola grande, picada
1 dente alho
1 colher sopa ras-el-hanout *
½ colher chá pimentão doce
½ chávena coentros frescos, picados
8 folhas massa brick

Coza as batatas e as ervilhas separadamente, em água com sal. Aqueça o azeite numa frigideira larga e adicione a cebola e o alho e ainda o pimento. Deixe cozinhar ligeiramente (3 minutos). Acrescente as especiarias e mexa bem. Escorra as batatas e as ervilhas. Adicione ao preparado anterior. Tempere com sal. Retire do lume e reserve.

Recheie a massa, colocando uma parte dos legumes numa ponta, ao meio. Sobreponha a massa para formar um rectângulo comprido. Dobre, formando um triângulo, e entale o final da massa, para o pastel não abrir. Pincele com azeite de ambos os lados. Aqueça uma frigideira anti-aderente de fundo grosso. Coloque os pastéis e deixe dourar, 2 minutos de cada lado. Sirva de imediato com a sopa e uma rodela de limão.


ras-el-hanout é um tempero típico marroquino composto por várias especiarias, como cominhos, cardamomo, canela, açafrão, entre outros.

Dica de poupança: A sopa deve fazer parte de qualquer dieta equilibrada e todos, independentemente da idade, devem comê-la. Para além disso, as sopas permitem fazer refeições saborosas a preços reduzidos, quer como entrada, quer como prato principal. Há portanto alguma razão para não estarem presentes na maioria das mesas?  

Factura:  

aipo (1.99 €/Kg) - 0.19€ 
grão cozido (0.91 €/Kg) - 0.55€ 
tomate (0.79 €/400gr) - 0.79€ 

batatas (0.53 €/Kg) - 0.19€ 
cebolas (0.39€/Kg) - 0.12€ 
ervilhas (0.49 €/400gr) - 0.25€ 
pimento (1.79 €/Kg) - 0.18€ 
massa brick (1,49€/10 folhas) 1.19€ 
azeite (2.99€/garrafa) - 0.60€  

laranjas (0.89€/Kg) - 0.89€ 
tâmaras (2.99€/150 grs) - 0.75€  

total - 5.70€  

Os preços de referência são do continente. Não foram considerados valores para as especiarias, alho, coentros, limão e do sal e da pimenta. Os valores são, como sempre, indicativos.

6 comentários:

  1. esses pastelitos têm um aspecto incrível!
    adoraria experimentá-los!

    beijos!

    ResponderEliminar
  2. Fiquei encantada com este menú. Adoro a Rachel Allen, é uma cozinheira impecável, com receitas simples, rápidas e eficazes.

    Beijinhos e bom fds.

    ResponderEliminar
  3. Feliz ano novo!! que combinação fantástica. amei todos estes temperos usados. Fiquei a imaginar o sabor e perfume. E confesso cá entre nós que sempre tenho inveja desta luz que sempre vejo nas tuas fotos.

    ResponderEliminar
  4. Que delícia de combinação - a sopa parece ótima e os pastelinhos... Hum!

    ResponderEliminar
  5. Se não foi a Marrocos ainda então vá... e delicie-se com ...a sopa Harissa e depois dê-nos a receita. De qualquer modo vou experimentar a sopa de grão. Eu fui e comprei Ras-al-Hanut e uma TAJINE e que faço várias vezes e tudo fica cheirando a Marrocos.

    ResponderEliminar
  6. adorei a tua viagema a marrocos.
    a sopinha eta uam maravilah e os pasteis cdeixaram bem curiosa em prova-los
    beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!