3.5.12

Alcachofras com ervilhas e ovos

Alcachofras // Globe Artichokes

La vie est une fleur, l'amour en est le miel. A vida é uma flor, o amor o seu mel. Ou assim diz Victor Hugo. Como se de rosas se tratasse, recebo um ramo a que apenas falta um laço. Abre-se um sorriso que me ilumina a face e não há no horizonte uma nuvem que seja. Hoje não chove.

Alcachofras.

Pequenas e pontiagudas. Fico a matutar o que fazer com elas. Sigo em direcção à estante. Tiro um ou dois livros até encontrar. Cozinhadas com favas, lá estão elas no tacho. Para a felicidade ser completa, faltam-me as favas. Improviso. Terão as ervilhas a mesma missão. Das tortas e das descascadas, a caminho da panela.

Alcachofras e ervilhas com ovos // Globe Artichokes Peas with Poached Eggs

O livro que me mostra o almoço tem uma capa de pano. Mora na minha estante há uns tempos e, contudo, nunca me tinha cativado. Até agora. Tenho uma enorme admiração pelo trabalho de uma senhora australiana chamada Stephanie Alexander, cujas receitas e ideias fazem parte do imaginário culinário do seu país. O seu pensamento pode traduzir-se numa frase: Comida, vinho e amizade importam mais do que qualquer coisa que me lembre. Juntos, implicam habilidade, astúcia e paciência, compreensão e reconhecimento da diferença e o desejo de trazer felicidade aos outros. Uma filosofia de vida invejável.

A cozinha de Stephanie Alexander é centrada nos produtos da estação, marcadamente enraizada no que a terra dá e nas estações do ano. Ao procurar na Primavera, aparecem alcachofras e favas e ervilhas e uns nabinhos adoráveis em forma de guisado. Decido-me por um almoço em tons de verde a que acrescento proteína animal numa (rara) concessão à minha cara-metade.

Alcachofras e ervilhas com ovos // Globe Artichokes Peas with Poached Eggs



Alcachofras com ervilhas e ovos
Adaptado ligeiramente a partir de uma receita de Stephanie Alexander, Kitchen Garden Companion

serve 4

4-6 alcachofras médias
1 limão
500 ml caldo de vegetais (ou água)
100 g bacon, em cubos
8-10 nabinhos pequenos
1 colher (sopa) salsa picada
3 colheres (sopa) hortelã picada
3 dentes de alho, finamente picados
50ml azeite
200 g ervilhas tortas
100 g ervilhas descascadas
250 ml caldo de vegetais (ou mais, conforme necessário)
sal e pimenta preta moída na altura
4 ovos

Prepare as alcachofras. Coloque água e metade do sumo de um limão numa tigela. Apare o caule e remova a pele com um descascador. Remova as folhas junto ao caule e as folhas de fora, que são duras. Com uma faca, corte cerca de 1,5 - 2 cm da parte superior da alcachofra e, com uma tesoura, corte as pontas aguçadas das folhas. Com a otra metade do limão passe todas as zonas cortadas para evitar a oxidação. Retire e descarte a parte de dentro da alcachofra (que se assemelha a cabelos). Coloque a alcachofra arranjada na água com limão e proceda de igual modo com todas as restantes. Corte cada uma das alcachofras ao meio e coza por 15 minutos no caldo de vegetais (ou até as alcachofras estarem tenras). Deixe arrefecer. Retire algumas folhas exteriores que ainda estejam rijas. Reserve no caldo.

Num tacho de fundo grosso, aqueça o azeite com o alho e o bacon. Deixe cozinhar sem queimar, por 2-3 minutos. Junte os nabos cortados ao meio, as ervilhas e cubra com o caldo de vegetais. Deixe cozinhar 3 minutos e adicione as alcachofras (escorridas e cortadas em quartos) e a salsa picada. Deixe ferver 2 minutos. Rectifique o tempero. Polvilhe com 2 colheres de sopa de hortelã picada. Escalfe os ovos em 4 covinhas feitas no guisado e tape (2 minutos). Sirva de imediato com a restante hortelã e pão torrado.

7 comentários:

  1. Prato de Inverno com produtos de Primavera. :) Só faltam espargos, não fossem eles tão caros...

    ResponderEliminar
  2. Que delícia! E já fui cuscar o livro, que não conhecia, e já foi parar à wish list da desgraça.
    Venham os verdes. :))
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Alcachofra é algo que nunca cozinhei. E na verdade, agora que penso nisso, nem sei bem porquê! Talvez sempre tenha hiperbolizado a sua preparação para cozinhar. Acho-as sempre tão bonitas, que não concebo comê-las, apesar de já ter provado e gostado. A nossa (minha) mente tem destas coisas estranhas...

    ResponderEliminar
  4. Já as vi á venda mas sempre me perguntei o que fazer com elas, agora já sei! Obrigada pela partilha, beijos

    ResponderEliminar
  5. Querida Suzana
    Talvez porque nao fizeram parte da minha infância, procuro sempre receitas em livros quando se trata de alcachofras,
    Fiquei muito interessada nesse livro que não conhecia mas acho que me vou conter, senão tenho de comprar mais uma estante :)
    Um beijo [com saudades]

    ResponderEliminar
  6. Ups... nunca cozinhei alcachofras. Mas os restantes ingredientes costumam aparecer juntos cá em casa. Bastam as ervilhas tortas (ou 'de quebrar', como dizemos aqui em cima) e os ovos escalfados e já fico contente, mas esta versão rica parece-me muito bem :)
    Um beijinho
    Teresa

    ResponderEliminar
  7. olááá,
    nunca cozinhei alcachofras mas adoro ervilhas =)
    gosto sempre muito das fotos do teu blogue!!

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!