31.7.15

Tartines de cenouras e hummus de pimento assado

Tartines, cenouras e hummus de pimento + ricotta e tomate assado

A cozinha acompanha os ritmos da estação, ao sabor das horas de sol sem fim e da preguiça de quem se faz às férias. As refeições descomplicam-se e perdem aquela formalidade das entradas e dos pratos principais. É comida colorida, combustível para conversas sem pressa, à boleia de um copo de sangria.

São vegetais e frutos, frescos ou assados no forno, que pouco mais precisam que uma passagem por água e algumas ervas aromáticas como tempero. Das coisas que chegam à minha cozinha e ganham o seu lugar na bancada para serem utilizadas todos os dias estão estas luvas skruba da Inexistência. As minhas são verdes como os veggies que me ajudam a preparar em dois tempos, imprescindíveis para as cenouras e para as batatas novas, usos-as também em rabanetes e beterrabas. No Verão, mais do que nunca, faz todo o sentido manter a pele em batatas e cenouras, sobretudo quando são biológicas.

Veggie! Tartines, cenouras e hummus de pimento + ricotta e tomate assado

Uma tartine é uma espécie de sandes aberta e tem uma origem francesa. Serve como refeição ligeira ou entrada, petisco ou lanche. Normalmente começa-se com uma fatia de pão onde se barra algo que sirva de base aos restantes ingredientes, de texturas diferentes e cores contrastantes. As minhas memórias de tartines passam por Paris e cruzam o canal até Londres. São feitas de bom pão e combinações clássicas como ricotta e tomate assado com tomilho ou outras mais inusitadas, como pato confitado e hummus de abóbora e batata doce.

A proposta de hoje é um compromisso entre a receita de partida e o que havia na cozinha, um resto de grão, pimentos assados e muita rúcula. Como parte dos vegetais usados numa tartine são, por princípio, crús ou ligeiramente cozinhados, as pequenas cenouras cheias de sabor só precisam de um vinagrete para ficarem prontas. Calço as luvas, lavo-as à torneira, esfregando aqui e ali para retirar a terra. Faço o mesmo com os rabanetes e depois é só cortá-los na mandolina. Uma boa opção quando se servem tartines a muita gente é levar todos os componentes e deixar que cada um prepare a sua, dando apenas a indicação da melhor sequência. Bocas satisfeitas e sucesso garantido.

Boas férias!

Veggie!
Tartines, cenouras e hummus de pimento + ricotta e tomate assado



Tartines de cenouras e hummus de pimento assado
Adaptado ligeiramente de uma receita de Le Pain Quotidien

serve 6, como entrada

2-4 cenouras, dependendo do tamanho
2-3 rabanetes
100 g rúcula
1 cebola roxa, pequena
1 colher (sopa) de passas
1 colher (sopa) de amêndoas fatiadas, torradas
1 colher (sopa) sumo de limão
3 colheres (sopa) azeite virgem extra
flor de sal e pimenta preta

para o hummus:
400 g grão cozido (reserve parte do líquido da cozedura)
2 pimentos vermelhos assado
s
sumo de 1 limão pequeno
1 colher (sopa) de tahini
1 colher (chá) azeite
flor de sal

6 fatias de pão, torradas (para servir)

para a preparação do hummus:
Coloque na trituradora o grão, os pimentos, o azeite e o tahini e flor de sal. Triture até ficar homogéneo. Se necessário acrescente um pouco do líquido da cozedura e volte a triturar. Coloque o hummus numa tigela e tempere com o sumo de limão. Rectifique o sal.

Para os vegetais, utilize uma mandolina para fatiar finamente os rabanetes e a cebola roxa. Com um descascador, vá raspando a cenoura para criar longas fitas. Reserve numa saladeira, juntamente com a rúcula.

Faça o molho colocando num frasco de tampa hermética as passas, o azeite, o sumo de limão e uma pitada de flor de sal. Bata até emulsionar. Tempere os vegetais.


Coloque uma colher de sopa do hummus em cada fatia de pão e barre. Disponha os vegetais, primeiro os rabanetes, depois umas fitas de cenoura, em seguida um pouco de cebola e finalmente a rúcula, com algumas das passas. Finalize, polvilhando as amêndoas por cima.

Sirva de imediato.

Tartines, cenouras e hummus de pimento + ricotta e tomate assado

3 comentários:

  1. Hummm adorei as tuas cenourinhas. Será que dá para plantar num vaso numa varanda?
    Alface, pimentos e tomate-cherry já tenho. :-)

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Essas cenourinhas são um amor, adoro esta época do ano, em que a mesa se enche de cores e petiscos de comer à mão.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Sou tão fã de tartines! Têm sido parte integrante dos meus jantares e almoços :)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!