14.12.15

{Livros Favoritos 2015} Uma mão cheia de autores portugueses

Livros preferidos 2015

Parece certo que qualquer escolha deve começar com os critérios seguidos ou com uma declaração de interesses. O que não deixa de ser algo redundante quando de preferências personais e (in)transmissíveis se trata. Seja como for deixo já registado que conheço todos os autores destes livros. Alguns são meus amigos, outros sinto que conheço há vida à conta de ler as suas palavras e comer a sua comida e já me perdi em conversas com todos. Directamente ou por interposta ligação esta é, antes de outra coisa, uma escolha de afectos.

Ei-los lindos e alinhados, os 5 títulos de autores portugueses que tornaram este meu ano de gastronomia literária mais feliz. Sem ordem, diferentes como só eles podem ser, aqui ficam os favoritos de 2015.




Livros preferidos 2015

Dicionário Prático da Cozinha Portuguesa de Virgílio Nogueiro Gomes
Este não é um livro de receitas. É um livro para ler movido pela curiosidade e para consultar sempre que a necessidade de saber mais apareça.
A saber: O que são punições? E o que significa brasear?

Livros preferidos 2015

A nossa mesa: receituário gastronómico da Figueira da Foz, uma edição da Divisão de Cultura da Câmara Municipal da Figueira da Foz
Um projecto muito interessante de preservação do património gastronómico da região, no qual tive o prazer de colaborar, explorando um ingrediente fantástico: a salicórnia. Em breve, deixo-vos a receita e um pouco mais sobre este livro.
A partilhar: Mousses de camarão e salicórnia

Livros preferidos 2015

Fabrico Próprio: O Design da Pastelaria Semi-Industrial Portuguesa (2ª edição), editado por Pedrita (Rita João, Pedro Ferreira) e Frederico Duarte
Para este meninos é mesmo mais bolos. Todos os bolos. Feito de muito açúcar e palavras mil, este também não é um livro de receitas (tem apenas uma) mas o olhar sobre a nossa pastelaria nunca mais vai ser o mesmo.
A saber: O que é um Alsaciano? E onde é que se come a melhor Maravilha?

Livros preferidos 2015

A Viagem do Salmão, uma aventura de Henrique Sá Pessoa e José Luís Peixoto e fotografia de Nicolas Lemonnier
Entre viagens à boleia do salmão, da Noruega ao Japão, muitas fotografias para sonhar e receitas em torno deste ingrediente. Ou nas palavras de José Luís Peixoto, uma viagem até lá, depois do horizonte. Um livro que apetece ler e ver, uma e outra vez.
A fazer: Gaspacho de Ruibarbo e Morango com Salmão da Noruega marinado

Livros preferidos 2015

Brunch, de Cláudia Villax e Sara de Lemos Macedo
Foi a minha paixão deste Verão, um muesli que se faz sozinho e se come ainda mais depressa. Das fotografias às ideias sempre bem estruturadas, muitas receitas para refeições de Domingos ou dias mais descansados.
A fazer: Chai com baunilha

3 comentários:

  1. Confesso que não conheço nenhum desses livros, mas a Viagem do salmão e o Fabrico próprio, espero que venham comigo agora na quadra natalícia.
    Não participei no Receituários gastronômico da Figueira, pois não me identifico com a zona e achei que não fazia sentido participar nessa iniciativa.
    Salicornia é um ingrediente super comum por aqui e, como já deves ter visto, adoro e já publiquei várias receitas com esse ingrediente. No entanto, fico curiosa em ver a tua sugestão.
    Um beijinho e obrigada pelo feedback destas publicações,
    Lia

    ResponderEliminar
  2. Excelentes propostas!
    Um beijinho
    Helena
    Cooking

    ResponderEliminar
  3. Olá Suzana,
    Estou sempre a aguardar por este teu post em final de balanço porque as tuas sugestões são sempre pertinentes. Ora, este ano tenho a alegria de ver "a nossa mesa" (mesmo nossa) entre os livros de 2015! Uma surpresa, a melhor. Obrigada por partilhares este projeto que foi tão importante para mim nos últimos dois anos. Um abraço,
    Guida

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!