20.12.15

Peito de pato com vinho do Porto e abóbora assada

Partilha, um jantar de Natal

Na mesa posta cada prato tem uma vela acessa que ilumina a sala. Ao meio, o azevinho marca os lugares onde cada um se senta em cadeiras douradas. As conversas atravessam a decoração da mesa e na cozinha os aromas do nosso jantar já andam pelo ar. Memórias de outros Natais e a vontade de reunir a família e os amigos em volta de uma refeição simples e saborosa.

Natal é partilha. É esse o mote do jantar em tons de vermelho e dourado que celebra as festividades no Lidl e onde vou descobrir as propostas do chef Hernâni Ermida. Das vieiras ao pato, é esta sugestão com molho cremosos de vinho do Porto e uma deliciosa abóbora assada que me deixa a pensar na ceia de Natal. A fugir à tradição, o peito de pato é uma alternativa especialmente adequada a celebrações mais pequenas e uma opção diferente do sempre presente perú.

Partilha, um jantar de Natal Partilha, um jantar de Natal

Dos aromas do tomilho e da riqueza do vinho do Porto vem a certeza que se trata de uma refeição de festa. O carácter natalício da receita prepara o estômago e a alma para os doces de Natal. Especiarias, fios de ovos, doces conventuais e frutos vermelhos e está lançado o espírito da época. Para terminar, papos de Anjo e pêra rocha em vinho e especiarias para uma indulgência própria do Natal.

Tempo de partilha e desejos de momentos bem passados em família, o Natal é passado à mesa e em torno da comida. Fica uma sugestão diferente para a ceia do Natal e o voto de umas festas muito felizes!

Partilha, um jantar de Natal Partilha, um jantar de Natal



Peito de pato com vinho do Porto e abóbora assada
Adaptado de uma receita do chef Hernâni Ermida

serve 4

2 peitos de pato (Lidl Deluxe)
1 abóbora butternut média
1 colher (sopa) tomilho, só as folhinhas
5 colheres (sopa) azeite
200 ml de natas para cozinhar
100 ml vinho do Porto
150 ml vinho branco
sal e pimenta preta moída na altura

Se usar peito de pato congelado, deixe descongelar o pato no frigorífico de um dia para o outro sobre papel absorvente.

Pré-aqueça o forno a 180º. Descasque a abóbora e corte-a em tiras finas. Coloque num prato de forno, tempere com sal e pimenta preta moída na altur, junte o tomilho picado e regue com o azeite. Misture tudo e cubra com papel de alumínio. Leve ao forno durante 40 minutos, até ficar macia.

Seque o pato com papel absorvente e faça uns cortes cruzados na pele sem chegar à carne. Tempere o pato apenas do lado da carne, com sal e pimenta acabada de moer. Leve ao lume uma frigideira antiaderente e deixe-a aquecer. Coloque o pato com a pele voltada para baixo e deixe cozinhar até a pele ficar dourada. Vá escorrendo a gordura, vire o pato e leve-o ao forno durante 8-12 minutos.

Na frigideira onde cozinhou o pato, coloque o vinho branco e deixe ferver. Junte as natas, o vinho do Porto e deixe ferver até ficar um molho cremoso. Verifique o sal e desligue. Corte o pato em fatias e sirva com a batata e a abóbora. Regue com o molho e sirva decorado com um raminho de tomilho.

Partilha, o tema para uma ceia de Natal

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!