5.1.16

{Hello 2016} Crumble integral de borrego, abóbora e avelãs

Crumble integral de borrego e abóbora

Bem-vindo 2016!

Ano novo chegado à boleia de um ano velho que passou a correr. Sem balanços, nem resoluções, ei-lo que se apresenta munido da magia do que ainda está para vir. Feitos os votos de todos os anos (que seja alegre, feliz e traga amor e saúde), o presente instala-se de malas e bagagens. Com ele as rotinas do quotidiano, as corridas e os desafios dos dias comuns e as memórias de momentos mais calmos, deixados no ano que passou.

Do alentejo, as paisagens a perder de vista e o cheiro de um Inverno a mostrar os seus predicados. Forno acesso, restos que ficaram das festas, abóbora e avelãs e um crumble salgado que toma forma.

Alentejo, Portugal Crumble integral de borrego e abóbora

A ideia de transformar o conhecido crumble numa versão salgada não é nova. Porque qualquer pequena quantidade de carne ou vegetais pode servir de base, é sempre uma boa maneira de utilizar os restos que ficam. Uma das tradições familiares do Natal é o borrego assado, que acaba invariavelmente por sobrar. Congelar para mais tarde ou reutilizar com outros sabores são soluções fáceis e rápidas.

Experimentar novas combinações com ingredientes que parecem ter sido pensados para ser saboreados em conjunto: a abóbora e o borrego funcionam na perfeição. O crumble feito de farinha integral é ideal para dias frios e as avelãs compõem o prato. Para uma versão vegetariana alternativa ou para um prato que não seja de aproveitamentos, os cogumelos são uma boa opção e igualmente deliciosa.

Crumble integral de borrego e abóbora



Crumble integral de borrego, abóbora e avelãs

serve 2

1 colher (sopa) azeite
1 cebola pequena, finamente picada
1 dente alho, picado
350 g abóbora (limpa), em cubos
150-200 g borrego assado, em pedaços pequenos*
1 colher (sopa) crème fraîche
1 colher (chá) tomilho
pimenta preta moída na altura

crumble:
40g manteiga muito fria, em cubos pequenos
80g farinha integral
80g queijo cheddar, ralado
25g avelãs, tostadas e picadas grosseiramente

Aloure a cebola e o alho no azeite (2 minutos) e adicione a abóbora. Quando esta estiver ligeiramente salteada, junte o borrego e o tomilho e deixe cozinhar 1 minuto. Finalmente, acrescente o crème fraîche e tempere com sal e pimenta preta moída na altura. Envolva e reserve.

Pré-aqueça o forno a 180ºC e prepare o crumble. Com as pontas dos dedos, misture a manteiga com a farinha, até ficar com uma mistura mais ou menos homogénea. Adicione as avelãs e metade do queijo. Deite uns salpicos de água sobre o crumble e use um garfo para envolver (assim fica com uma textura diferente). Divida a mistura de carne e abóbora por dois pratos de forno individuais. Polvilhe com o restante queijo e cubra com o crumble. Leve ao forno por 25-30 minutos ou até estar dourado. Sirva quente ou morno com uma salada verde.

* para uma alternativa vegetariana igualmente saborosa substitua o borrego por 300 g de cogumelos frescos (por exemplo, marron). Deixe cozinhar 3-4 minutos e siga a receita normalmente.

3 comentários:

  1. Olá,
    Um bom ano e que interessante sugestão nos trazes.
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Feliz ano novo Suzana!!
    O crumble, sendo salgado e com os ingredientes listados, não podia ser mais do meu agrado. Fantástico mesmo!!
    Um beijinho,
    Lia

    ResponderEliminar
  3. Que maravilha de crumble Suzana!! Por aqui os crumbles na versão salgada não são novidades, costumo fazer de vegetais e são uma maravilha.
    Bom ano.
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!