8.8.17

{ Verão na Cidade } O mundo inteiro cabe no Populi

Almoçar em Lisboa, Populi

Se eu não morasse em Lisboa, queria muito poder vir aqui e esquecer-me do tempo ali junto ao rio. Nem que seja por um momento o relógio perde serventia quando me sento na esplanada do Populi, com o Terreiro do Paço nas costas e o Tejo a meus pés. No coração da cidade, na praça que serviu de porta de entrada à cidade quando os barcos chegavam ao cais da colunas, vive-se o burburinho de um dia de semana. Inquietos, os habitantes apressam o passo não vá a hora de almoço passar rápido demais, enquanto os visitantes se demoram nos pormenores e se encantam com tudo e com nada.

Chego e há uma calma aparente no restaurante. Toda a acção está cá fora e não tardo em encontrar o meu lugar já os petiscos se fazem à mesa. Indecisa entre a Amêijoa da Ria Formosa à Bulhão Pato ou o Camarão servido na mais bonita frigideira resolvo provar os dois. São as memórias a fazer das suas e mesmo depois de provar continuo sem me decidir. Mas a carta está cheia de pratos que me deixam curiosa. Sushi de novilho?

Lisboa, Terreiro do Paço, downunder Almoçar em Lisboa, Populi Almoçar em Lisboa, Populi Almoçar em Lisboa, Populi



A provocação baseia-se na forma como o Carpaccio de novilho com cogumelos shitake, chips de parmesão e vinagrete de estragão é servido, com o sabor a faz jus ao original. Entre o Requeijão assado, doce de tomate verde e cebola roxa, canónigos e torricado de pão rústico e o Tártaro de atum e abacate com lima, coentros e maionese de wasabi é à Saltimbocca de atum com presunto e salva, legumes agridoce e azeite de coentros que entrego o meu coração. Mesmo para quem não seja apaixonado pela cozinha italiana, esta versão de saltimbocca está longe das referâncias da nonna mas para mim é e reinterpretação perfeita.

O conceito do Populi chama à partilha de petiscos de inspiração vinda das cozinhas do mundo mas também fortemente influenciados pelos tradicionais pratos da cozinha portuguesa. Com um copo de vinho por companhia e a vista da praça qualquer hora é boa para um encontro. Mas o almoço pede outros "comeres". É tempo do bem-aventurado Bacalhau lascado com tomatada de poejo e broa de milho crocante que vai buscar aos sabores tradicionais toda uma paleta que remete para o mar. Para os apreciadores de carne, há ainda o recomendável Carré de borrego, crosta de pinhões e pimentos vermelhos, couscous de vegetais e gengibre muito bem confeccionado. Já a atravessar de novo o Terreiro do Paço e sem barriga para a sobremesa fica prometida nova visita para descobrir o arroz doce da casa ou o novo clafoutis de Ginja de Óbidos.

Almoçar em Lisboa, Populi Almoçar em Lisboa, Populi Almoçar em Lisboa, Populi

--
Populi
Ala Nascente Terreiro do Paço, 85/86
1100-148 Lisboa


Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!