25.6.19

Um dia no Convento do Espinheiro

Um dia no Convento do Espinheiro

Chegar e encontrar, à espera, uma gloriosa manhã de sol no Convento do Espinheiro. Bom prenúncio para a aventura enogastronómica que nos espera entre paredes com muitas estórias para contar e mil actividades para explorar. Das provas de vinhos na adega, aos workshops de pão ou pastelaria com a Chef Carla Parreira, até às pizzas do restaurante Olive e a experiência gastronómica no Divinus, agora comandado pelo Chef Jorge Peças.

11:30

O portal que dá acesso ao edifício é sempre o primeiro a dar as boas-vindas aos visitantes. As flores em volta dão lugar à oliveira de muitos anos que nos aguarda no pátio. Dali até à recepção são apenas uns passos mas a entrada no Convento é como uma viagem para um lugar distante onde a magia é construída a cada nova sala ou corredor.

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

A antiga cozinha do Convento alberga agora um forno a lenha onde se cozem as já famosas pizzas do restaurante Olive. Aberto recentemente, este espaço procura oferecer um ambiente descontraído com comida italiana, que tanto pode ser usufruído pelos hóspedes como pelos visitantes. Com a manhã a caminhar para o seu fim, é ao azeite e ao pão, forma de vida e sabedoria, que concedemos a nossa atenção. Desde os grissinos à base utilizada nas diferentes pizzas, toda a massa resulta do cuidado permanente do chef pizzaiolo residente. Provamos diferentes combinações de azeite, azeitonas e uma deliciosa pizza bianca com presunto que mostra os produtos locais e o rigor da técnica na feitura da massa e sua cozedura.

O azeite virgem extra consumido é produzido partir das azeitonas do secular olival que pertencia aos monges e apresenta as características únicas de um território como o Alentejo. E, com um brinde de Espumante Bruto 2016, continuamos a nossa aventura no Convento do Espinheiro.

Um dia no Convento do Espinheiro



12:30


Um dia no Convento do Espinheiro

Saímos do Olive e vamos visitar a igreja. A cada nova sala há mil detalhes capazes de evocar a cultura e história do local, com muitos dos arranjos florais a utilizarem as flores que crescem nos jardins circundantes. Nos primeiros Domingos do mês ou em datas festivas celebra-se a missa dominical na Igreja de Nossa Senhora do Espinheiro, aberta à comunidade e sempre possível de visitar. Em cada mês também existem visitas guiadas, acompanhadas por um historiador e que permitem saber mais sobre a lenda religiosa por detrás do convento, bem como conhecer o edifício e a sua recuperação.

Com a hora do almoço a aproximar-se vamos na direcção do restaurante Divinus. É lá que o Chef Jorge Peças e a Chef de Pastelaria Carla Parreira nos esperam para uma degustação da nova carta.

13:00


Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Acompanhando as abóboras que compõem o espaço, há uma mesa comprida engalanada com ramos de oliveira e a ocasional azeitona que ficou no galho depois da apanha. É como se a natureza exterior voltasse a entrar no Convento e assumi-se o seu lugar. Os cadeirões vermelho carmim e as velas acesas sobre a toalha branca reforçam o carácter mágico do lugar e remete-nos para toda a história vida entre estas paredes.

Com a apresentação dos sabores estivais que marcam a carta, iniciamos o nosso almoço com Aqueles Petiscos de Sempre.

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Com cores e sabores vibrantes, este conjunto de petiscos é composto por Croquete de pato com couve salteada e linguiça, Calamares em tempura de milho com salada fresca, Mexilhão fresco em escabeche e Tártaro de Vitela com redução de vinho do Porto e ainda um fresco Gaspacho de morangos aromatizado com hortelã e vinagre balsâmico. Para uma harmonização bem sucedida, o já referido Espumante Bruto do Convento do Espinheiro 2016 acompanha com grande flexibilidade estes sabores tão diversos.

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Em seguida, talvez o prato mais bonito do Chef Jorge Peças, o Atum braseado com queijo fresco para um gaspacho de beterraba é um elogio à estação quente que se avizinha e oferece a frescura necessária. A escolha do sommelier para a harmonização é um Dona Maria Viognier Branco 2017, muito floral e delicado, que faz jus à elegância do prato e o eleva para um novo patamar de sofisticação. Muito bom!

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Para o prato de peixe, em continuidade das propostas anteriores, uma abordagem cheia de delicadeza para a Garoupa, creme de curgete, cogumelo de S. Mamede e couve romanesca. Comas texturas a tomar a dianteira, do puré suave ao peixe que lasca, até à curgeõe panada e o romanesco crocante, há uma fluidez no conjunto que é completado pelo surpreendente Marquês de Borba Vinhas Velhas Branco 2017.

Com os pratos a sucederem-se em agradável ritmo, começa a perceber-se um padrão de elegância e (aparente) simplicidade na cozinha do Chef Jorge Peças. As combinações são inteligentes e a abordagem caracteriza-se pela serenidade e elegância. Excelente augúrio para o resto da refeição, coadjuvado à altura pelo trabalho da Chef de Pastelaria Carla Parreira que nos oferece o seu primeiro momento sob a forma de um sorbet de Morangos, sabugueiro e cassis. Generoso no tamanho, como limpa-palato, poderia ser menor mas de tão fresco e delicioso pouco ou nada restou entre os comensais.

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

O prato de carne apela ao terroir alentejano e aos sabores locais num Lombinho de porco preto com miga de batata e farinheira, amêijoas e catacuzes que traz à mesa as receitas tradicionais de carne à alentejana e as seculares migas. Com a mesma desenvoltura e técnica impecável, este prato faz certamente as delícias dos carnívoros de serviço. A harmonização proposta é o Comenda Grande Convento do Espinheiro, um tinto cheio de personalidade capaz de ombrear com o prato.

Um dia no Convento do Espinheiro

Com as sobremesas a fazerem a sua aparição, explana-se em pleno a pastelaria da Chef Carla Parreira: colorida, fresca e repleta de surpresas. A primeira combinação de Maracujá, manga e amêndoa é tudo o que se pode querer do momento doce que encerrou a refeição. Gentil no açúcar e total na paleta, esta gama de sabores mais tropicais usufrui da crocância da amêndoa. Perfeito, a par de um Vindima Tardia da Ervideira para o Convento do Espinheiro de 2017.

Para gáudio dos chocolátras presentes, a segunda proposta é um hino ao chocolate.

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Chocolate do equador e bagas silvestres é uma sobremesa cheia de camadas, com elementos escondidos e novas descobertas a cada nova colherada. Novamente com a dose de açúcar certa, faz brilhar a harmonização seleccionada e que tem no Cartuxa 50 Anos Licoroso Tinto 2008 o melhor dos parceiros para esta aventura.

Um dia no Convento do Espinheiro

Com a chegada do café e dos bonitos petit fours, em jeito de balanço, pode dizer-se que a cozinha do Divinus se encontra em talentosas mãos. Desejamos felicidades aos chefs, uma nova geração de profissionais alentejanos, e partimos tarde a fora para a última das nossas aventuras antes do regresso a casa.

18:00

Um dia no Convento do Espinheiro
Um dia no Convento do Espinheiro

Como todas as tardes, há prova de vinhos e petiscos na adega do Convento do Espinheiro. 3 vinhos escolhidos pelo someelier e que são dados a provar, guiando os xenófilos por entre as referências que também podem ser adquiridas no local. As enormes mesas de mármore iluminadas conferem à adega uma ambiência inspiradora e a explicação segura de quem nos guia permite compreender os vinhos à prova sob novas perspectivas. E por lá ficamos à conversa, como se o tempo tivesse parado. Como tal não aconteceu e, entre despedidas, deixamos promessas de retorno rápido para as muitas actividades que fazem sempre parte do programa do Convento do Espinheiro.

Um dia no Convento do Espinheiro

--

Convento do Espinheiro, Historic Hotel & Spa
7005-839 Évora


--

PROGRAMA DE JULHO 2019

Sábado, 13 de Julho pelas 12h
Aqua Lounge Pool Bar
WORKSHOP DE GASPACHO ALENTEJANO

Sabores com História e Tradição
VISITA COMENTADA AO CONVENTO COM HISTORIADOR

Domingo, 14 de Julho pelas 10h30 Restaurante Olive
WORKSHOP DE PÃO ALENTEJANO

Sábado, 20 de Julho pelas 18h
PROVA DE VINHOS DE VERÃO
Alentejo Fresco

Domingo, 21 de Julho pelas 11h00
WORKSHOP DE PASTELARIA COM CHEF CARLA PARREIRA
Restaurante Olive

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!