19.2.08

Constant(emente)



English Version

Tenho uma paixão assolapada pelo Christian Constant. Uma paixão culinária, naturalmente! O Chef Constant é a brilhante mente por detrás do restaurante haute cuisine Le Violon d'Ingres, do novo conceito de Les Cocottes e do meu adorado Café Constant. Embora saiba exactamente o que comi na primeira visita (saumon froid e uma mais que memorável tarte de figos), já não me lembro como fomos parar ao Café Constant. A ideia de Christian Constant servir a clássica cuisine française num bistro de bairro a preços acessíveis levou-me primeiro à comida que à personalidade. Não fazia ideia de quem era o Christian Constant e à medida que fui descobrindo a sua carreira, fiquei presa à sofisticação descomprometida da sua cozinha. Na nossa viagem a Paris, levei "Ma cuisine au quotidien" na esperança de que o Chef Constant o pudesse assinar... Não arranjei coragem para lhe pedir. O que me dá uma desculpa mais que perfeita para voltar!

Porque é o Café Constant tão especial? Frequentemente cheio, o Café Constant é um bistro de ambiente eclético - clientes regulares de idade avançada, locais habitués de passagem para um copo de vinho, casais jovens, famílias ou (sortudos) turistas como nós - o Café Constant serve boa comida mas nada produzida. Jantámos por duas vezes no Constant: sempre perfeito. O menu escrito em grandes ardósias foi-nos simpaticamente "descodificado" por um rapaz português que lá trabalha. Reconhecemo-lo de há dois anos atrás - ele ficou mais que desconfiado quando lhe perguntámos se falava português!! Merci R. e a todo o staff!

a minha refeição perfeita




Café Constant
139, rue Saint-Dominique, 7th

13 comentários:

  1. O plágio não é uma coisa bonita, mas como comentário só me vem à cabeça as tuas palavras: "Ok convenceste-me".

    As fotos e o texto estão de convencer até os mais empedernidos detractores de Paris!

    bjs

    ResponderEliminar
  2. Querida Suzana...me vieram lágrimas nos olhos lendo esse post e me recordando de Paris.....
    Da próxima vez seguirei sua dica e irei ao Café Constant de olhos fechados....
    Fico anciosa pelas postagens....
    Bjcas.

    ResponderEliminar
  3. lindas fotos e impressoes de paris, onde nunca fui :-(. pelo menos já sei onde ir comer, quando lá for. beijocas

    ResponderEliminar
  4. Que post apaixonado e apaixonante!!
    Adorei, obrigada!
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  5. A comida francesa é boa e pronto! :-)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  6. Convido-te a apareceres no Shiuuuu.
    Participa, ousa!!!

    ResponderEliminar
  7. Suzana que post maravilhoso e apaixonante... Nunca fui a Paris mas tenho imensa vontade um dia ir lá, quando lá fôr não vou deixar de ir ao Café Constant, deliciei-me só de olhar para as fotos...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Da próxima vez que lá fores levas-me e eu descarada como sou vou pedir ao chef para assinar o teu livro!

    Fora de brincadeiras: post magnifico, texto e fotos.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  9. Olá Suzana,

    Tem prêmio pra você lá no Receita de Aconchego.
    Passa lá!!

    P.S.: Menina, que fotos são essas?!
    Parabéns!!! Estão demais!!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  10. Vou guardar a referência! Da próxima vez que for a Paris não escapa!! :)
    As fotografias estão todas tão lindas (a deste post e dos anteriores) que só de olhar para elas quase se sente o cheiro maravilhoso!

    Beijo *
    Witchie

    ResponderEliminar
  11. Post, fotos e tudo muito bonitos ! E os macarons ? Perfeitos.

    ResponderEliminar
  12. Suzana, acho que ainda não havia tido o prazer de visitar a sua cozinha, e confesso que estou maravilhada! Seus textos, suas receitas e suas fotos são magníficos. Quando eu tiver mais tempo voltarei com calma para apreciar um pouco mais...
    Parabéns pelo lindo blog! (Ou melhor "lindos blogs", pois o seu blog em inglês também é uma delícia!)
    Beijinhos!
    Vou adicionar seu link ao Cinara's Place, OK?

    ResponderEliminar
  13. devo dizer que seria uma boa companheira para esta refeição , porque para mim também é ideal !
    e sabes passei a minha infância encostadinha a "rue saint-dominique", adorava aquele "quartier" sinto saudades,
    vou te adicionar ao meu blog para te visitar mais vezes.
    bjka

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!