5.5.08

Saladas para que vos quero!



A meteorologia representa um tema fácil, que usamos quando não temos assunto e já não sabemos de que falar com estranhos ou mesmo (pouco) conhecidos. Se chove pouco ou muito, se o sol se recusa a aparecer ou se o calor não se suporta, se isto já não é o que era e o tempo está definitivamente louco... Quem não fala sobre o estado do tempo? Falamos, quase sempre insatisfeitos, da estação do ano que não passa, da próxima que não chega, do Inverno que este ano não há meio de se ir embora e da Primavera que teima em não assentar nesta parte do mundo. A minha cozinha não vive especialmente do frio ou do calor lá fora, mas como tento comprar e usar produtos da estação, os arranjos e as adaptações ao que há fazem parte do caminho. E depois eu tenho desejos. Tenho, pois! Tenho desejos de espetadas de peixe temperadas com o cheiro a maresia, apetece-me comer figos e ando a sonhar com doce de tomate... Ai, o que uma mulher confessa! Mas no entretanto e enquanto não chega Agosto, aqui fica uma saladinha (já prometida anteriormente) e que 'cheira' já aos dias de Primavera.



Salada de Abacate e Camarão com Maçã e Radicchio

Para 2

1 abacate médio, maduro, aberto ao meio
1/2 maçã Granny Smith
2 colheres sopa cebola roxa, picadinha
1 colher sopa sumo limão
sal e pimenta
6 ovos codorniz, cozidos
1/2 chávena Radicchio, picado
Alface misturada, q.b. para dois pratos
8 camarões grandes, cozidos e descascados (guardar o caldo para outras receitas)

Mistura-se a maçã picada com o radicchio e a cebola. Partem-se 2 camarões em pedaços pequenos e junta-se à mistura anterior, assim como os ovos de codorniz em metades. Tempera-se com sal e pimenta. Envolve-se com cuidado. No prato de servir, coloca-se cada metade do abacate sobre uma cama de alfaces e espalha-se o sumo de limão no interior da concavidade onde estava o caroço (para não oxidar). Enche-se cada uma das concavidades com a mistura de maçã. Coloca-se uma colherada de molho no topo e dispõem-se 3 camarões sobre cada um. Distribui-se a mistura restante em volta do abacate. Junta-se mais molho a gosto. Serve-se de imediato.


Molho Holandês

1 gema de ovo
1 colher sopa limão
1/2 colher chá sal
50 grs manteiga sem sal

Num processador (ou num shaker), bate-se a gema com o limão e o sal até emulsionar. Derrete-se a manteiga até ferver (mas sem queimar - é necessário que a temperatura seja elevada para espessar o molho e cozer a gema). Junta-se ao preparado anterior e bate-se de novo. Este molho deve ser mantido refrigerado antes de usar.

10 comentários:

  1. Que aspecto, Suzana! Estou aqui, capaz de dar uma trinca no ecrã, na tentativa de alcançar esses camarões! ahahah

    O molho está bem interessante também! :o)

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Soa-me muito bem esta salada e sempre é melhor falar de comida do que do tempo!

    bjs

    ResponderEliminar
  3. Essa salada combina com a primavera...e o lindo dia de sol que faz por aqui. Eu quero....
    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Que bela salada, está com um aspecto mesmo maravilhoso!
    Curiosos os seus desejos :) Às vezes também me bate assim uns desejos...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Não só sabem bem como até ajudam a gente como eu que andei que me fartei por terras da galiza e ainda consegui trazer mais uns quilinhos. Culpa da gastronomia Galega! :-)
    O Radicchio é que nunca vi aqui pelas bandas alentejanas, terei de arranjar qualquer coisa, talvez o velho Agrião!

    LPontes

    ResponderEliminar
  6. Esta salada está super apetitosa. As fotas estão lindas como sempre.

    ResponderEliminar
  7. Suzana, tanto a salada como as fotos estão divinas! Adoro frutas com salada... Bjs

    ResponderEliminar
  8. As fotos estão de fazer perder a cabeça, com aqueles camarões a desafiarem-me...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!