6.1.09

Dia de Rainhas!

Bolo-Rainha

E cá está ele: um ano novinho em folha. Cheio de novas possibilidades, onde todos os votos podem ser feitos e todos os desejos renovados. Feliz 2009 para todos!

As tradições são o que delas quisermos fazer. Enquanto criança, não me lembro de um Natal, um ano novo ou um Dia de Reis (também conhecido como a Epifania) sem Bolo-Rei e como muitas crianças não gostava especialmente... Culpa assumida na íntegra pelas frutas cristalizadas. Talvez tal bolo requeira um paladar mais adulto para comnpreender tanta exuberância na feitura, mas até mesmo os "crescidos" não encaram com facilidade a natureza de frutas cristalizadas como o figo ou a abóbora. Parece que foi assim que se começou a fazer um bolo mais depurado, cheio de nozes e avelãs e amêndoas inteiras e sem frutas cristalizadas DE TODO. É ainda mais rico, mais caro e mais bonito que o tradicional Bolo-Rei da minha infância. Hoje convido-vos a experimentarem comigo uma versão diferente do Bolo-Rei do ano passado, o tal que é feito só de frutos secos e que (dizem) serve uma Raínha!

Bolo-Rainha

Bolo-Rainha

2 bolos pequenos ou 1 grande

100g nozes
50g amêndoas inteiras
50g avelãs inteiras
600g farinha
125ml leite gordo
2 colher (chá) fermento seco
1 colher (chá) sal
1 colher (chá) extracto baunilha
165g açúcar amarelo
100g manteiga, à temperatura ambiente
3 ovos grandes

para a cobertura:
24 metades de noz
uma mão cheia de amêndoas e/ou avelãs inteiras
2 colheres (sopa) açúcar amarelo
2 colheres (sopa) água
leite para pincelar
icing sugar para decorar

Numa tigela grande, junte a farinha e o sal, abrindo uma cova ao centro. Dissolva o fermento no leite tépido e deixe activar por 5 minutos. Junte à cova na farinha, retire alguma das paredes até formar uma pequena bola e deixe por 10 minutos. À parte, bata o açucar com os ovos e a manteiga e deite na cova, mexendo primeiro com um garfo e depois com as mãos. Amasse bem numa superfície enfarinhada por 10 minutos, até estar elástica e macia. Junte os frutos secos e amasse mais um pouco até estes estarem distribuidos pela massa. Coloque numa tigela, cubra com um pano e deixe levedar num local quente e seco por 1 hora ou até ter duplicado de tamanho.

Divida a massa ao meio e forme duas bolas. Abra um buraco ao meio, alargando com os dedos até formar uma coroa. (Coloque um copo com a parte exterior enfarinhada para evitar que o buraco feche à medida que leveda) Cubra de novo com um pano e deixe levedar mais 45 minutos. Pincele com o leite e espalhe os frutos para a decoração. Leve ao forno a 180ºC por 45-50 minutos ou até estar dourado. Retire do forno e deixe arrefecer sobre uma grelha metálica.

Ao lume, faça uma calda com o açucar amarelo e a água. Pincele abundantemente o bolo e polvilhe (generosamente!) com icing sugar.

12 comentários:

  1. Lindo blog, ganhou + uma leitora! Estive em Lisboa no ano passado.. Saudade!

    ResponderEliminar
  2. Olá Suzana,
    O teu bolo ficou lindo! O meu bolo rainha virou um sapo, parece que quando fazemos a primeira vez não nos lembramos de alguns pormenores, como fazer um buraco bem grande para ele não fechar ;)
    Bjs e um Bom Ano Novo
    Moira

    ResponderEliminar
  3. não sou grande fã de bolo rei mas ao ver esta receita até fiquei com vontade de experimentar.

    ResponderEliminar
  4. Fiquei totalmente apaixonada por este bolo, sou do time das que não apreciam muito as frutas cristalizadas. Receita anotadíssima.
    Bjs!

    ResponderEliminar
  5. um bolo de raínha feito por uma... ;-) uma raínha na cozinha!!! beijocas

    ResponderEliminar
  6. Suzana querida,
    Tenho certeza que este bolo serve bem rainhas e espero, tambem seus suditos. Gosto da versao com frutas mas agora I'm nuts sobre este.

    Beijos e Feliz 2009

    ResponderEliminar
  7. Suzana, o elogio do bolo de rainha feito por uma rainha já foi feita, bolass...

    Mas, olha deixa lá ver se arranjo outro, posso trocar o "por" por "para"? hum? que me dizes???

    beijinho grande bom ano! O A. vai adorar este bolo!

    ResponderEliminar
  8. Realmente ficou lindo este bolo rainha... Este ano apenas fiz bolo rei, mas para o ano acho que me aventuro num acoisa bela assim.

    ResponderEliminar
  9. Olá!

    Estou com muita vontade de experimentar esta receita. Mas tenho uma dúvida: o fermento a usar é de padeiro?
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  10. Patrícia,

    O fermento seco é levedura. Eu uso da Ramazotti mas há outras marcas (por exemplo, Fermipan). Normalmente chama-se fermento de padeiro ao fermento fresco que vem em bloco e que também pode ser usado nesta receita. Nesse caso, em vez das 2 colheres de chá de fermento seco deve usar-se cerca de 15 g de fermento fresco. Espero ter ajudado. :)

    Festas felizes!

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!