22.2.11

Conserva de limões à marroquina para um aniversário

Conserva de limões à marroquina // Preserved Lemons

Mais ao Sul fica um sol dourado que inunda a planície a perder de vista. É o calor da terra que alimenta as árvores que se enchem de amarelo e laranja no tempo dos citrinos. São sacos e sacos cheios de frutos de preciosa casca e ácido sumo, uns mais doces que outros mas sempre apreciados. Quando a sua estação está em pleno é preciso encontrar formas de os manter para o tempo em que não estão disponíveis. Tenho uma especial perdição por frutos ácidos de gomos brilhantes e sumo fácil. Fico a sonhar com frascos de marmalade e potes de lemon curd. Mas será a sina dos citrinos uma vida em comum com o açúcar? Não que isso seja um problema, mas nesta coisa dos opostos também há o sal...

De um citrino para outro, esta é a minha receita para o desafio Cinco anos, cinco ingredientes que celebra o aniversário do brilhante Cinco Quartos de Laranja, um blogue que guardo perto do coração, que me alimenta a alma e me deixa o estômago sedento. É que nem só de comida vive o Homem e devo ao Cinco Quartos de Laranja uma bonita amizade e muitos momentos de enorme felicidade na companhia de quem lhe dá voz, corpo e alma. Obrigada aos dois e parabéns e longa vida ao Cinco Quartos de Laranja!

Évora, Alentejo



Conserva de limões à marroquina
Adaptado ligeiramente de DIana Henry, Crazy Water, Pickled Lemons

10-12 limões maduros (biológicos) + sumo de 6-7 limões
sal (cerca de 2 colheres de chá por cada limão)
2 paus de canela
2 folhas de louro
1 malagueta seca

Lave bem os limões e seque-os com um pano. Partindo do topo dê dois cortes em forma de cruz, tendo o cuidado de não cortar completamente. Abra os quatro gomos e introduza duas colheres de chá de sal em cada limão. Coloque num frasco esterilizado e com a parte de trás de uma colher empurre para que os limões fiquem o mais encaixados possível e comecem a deitar algum sumo. Junte a canela, a malagueta e o louro. Tape e guarde no frigorífico. No dia seguinte volte a empurrar os limões, repetindo a mesma operação. Cubra com o sumo de seis ou sete limões e opcionalmente com uma pequena camada de azeite. É importante que os limões fiquem cobertos. Deixe no frigorífico durante quatro semanas e findo esse tempo, use a conserva.

A conserva de limões é também chamado limão confitado e é usado em tajines e guisados de carne ou peixe, conferindo um sabor muito particular. Uma vez pronta, desta conserva usa-se apenas a casca dos limões e descarta-se a polpa.

13 comentários:

  1. Uma boa dica com grandes imagens, gostei muito! parabéns. beijo da marmita

    ResponderEliminar
  2. Sou das que também partilha o sonho por sabores citricos levemente adoçados! Excelente receita para uma comemoração em grande! Um beijinho :)

    ResponderEliminar
  3. Olá!

    Adoro limões e adorei a ideia. Vou experimentar!
    Há um selo para si lá no meu blog!

    ResponderEliminar
  4. magnifica receita para combinar com alguns peixinhos =)

    ResponderEliminar
  5. Tb vibro com os sabores cítricos, neste momento quase que me engolem, tantas são as laranjas e limões que me chegam da quinta em Palmela.
    A última conserva de limões que fiz já acabou, acho que vou experimentar esta tua sugestão, com canela nunca fiz.
    A Laranjinha vai gostar! :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Querida Suzana,

    muito obrigada pelo carinho e pelas palavras. Adorei.

    Um beijinho, amiga.

    ResponderEliminar
  7. notassoltasecoisasdoces23 de fevereiro de 2011 às 11:05

    Bom dia,
    Quero deixar registado o meu apreço por este blogue devido à qualidade das receitas aqui publicadas e pelos textos criativos e cuidados que lhes servem de prefácio. Parabéns pela imaginação, criatividade e cuidado neles empregues e pela qualidade das fotografias.
    O que me cativa neste blogue é o facto de cada receita contar uma estória.
    Quanto à receita que agora nos dá a conhecer, devo dizer que me despertou a curiosidade. E como lá por casa temos um limoeiro, o destino de alguns frutos será para experimentar a sua sugestão.
    Parabéns por este trabalho tão bem conseguido.
    Bem-haja!

    ResponderEliminar
  8. Amante dos citrinos como eu sou, especialmente do limão. Esta conserva não me escapa.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Mais um post de uma sensibilidade extrema. E uma receita muito diferente, para utilizares os limões que te aparecem na cozinha. E um brinde especial a uma amiga. Bonito.
    Babette

    ResponderEliminar
  10. Já pensei fazer mas depois acho que ninguém cá em casa ia apreciar. Tenho um limoeiro de uma tia carregadinho mas acho que os limões são demasiado grandes para serem enfiados num frasco :)

    ResponderEliminar
  11. Que receita original, confesso que não conhecia, mas é uma boa opção para despachar tantos limões que aqui tenho
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  12. Adoro as combinações que vc faz em suas receitas... e falando nelas, comprei massa filo e agora estou matutando um modo de usá-la!!! beijok

    ResponderEliminar
  13. Querida, que texto mais lindo e poético. Fiquei a imaginar árvores carregadas de limōes, como as que vi quando andavamos pela zona do Castelo.xx Estes limōes têm ótimo USO, tão versátil. Tenho uma receita de tagine do Jamie Oliver que os leva por exemplo.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário!